Coronavírus

Não há evidências de contaminação de Covid-19 por embalagens, afirma EUA

Entidades norte-americanas se pronunciaram após o Departamento de Alfândegas da China suspender compras de frango do país

25/06/2020 11h29 - Por: Folha de Dourados

Clique aqui e curta nossa página no Facebook

Lavar e higienizar todos os alimentos e embalagens passou a ser um hábito frequente na pandemia da Covid-19, um esforço para não levar o novo coronavírus para dentro de casa. Na quarta-feira (24/06), no entanto, o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) e a Administração de Alimentos e Medicamentos (FDA) afirmaram não haver "evidências de que as pessoas possam contrair Covid-19 de alimentos ou de embalagens de alimentos".

O comunicado conjunto foi feito pelo secretário de Agricultura dos EUA, Sonny Perdue, e o comissário da FDA, Stephen Hahn, depois que autoridades chinesas suspenderam a importação de frango de uma empresa do estado americano do Arkansas após a confirmação de casos de Covid-19 entre funcionários.

De acordo com as autoridades, "os Estados Unidos compreendem as preocupações dos consumidores aqui e no mundo todo que querem saber que produtores, processadores e reguladores estão tomando todas as precauções necessárias para priorizar a segurança dos alimentos, especialmente durante esses tempos difíceis. No entanto, os esforços de alguns países para restringir as exportações globais de alimentos relacionados à transmissão da Covid-19 não são consistentes com a ciência conhecida da transmissão".

Ao esclarecer dúvidas frequentes sobre a Covid-19 em seu site, a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), órgão da Organização Mundial da Saúde (OMS), também afirma que não há caso confirmado de Covid-19 transmitido por meio de alimentos ou embalagens.

As recomendações de segurança da entidade relacionadas incluem o distanciamento social de ao menos 1 metro de outras pessoas em supermercados, além de evitar tocar nos olhos, boca e nariz nesse ambientes. Se possível, também higienizar as alças dos carrinhos de compras ou cestas antes e lavar bem as mãos após chegar e casa e depois de manusear e armazenar os produtos adquiridos.

(Metrópoles)

 

Envie seu Comentário