MS

Motorista bêbado que matou na Gury Marques é condenado a 3 anos

Acidente que resultou na morte de Tatiane Malaquias da Silva, 25 anos, aconteceu na manhã do dia 16 de abril de 2016

15/03/2019 12h33 - Por: Folha de Dourados

Clique aqui e curta nossa página no Facebook

Acusado de provocar acidente com morte em 2016, Fabiano Tamanho, 37 anos, foi condenado a três anos de prisão em regime aberto, e a suspensão da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) pelo mesmo período. Ele estava bêbado no momento do acidente. O julgamento foi realizado ontem (14) pela 1ª Vara do Tribunal do Júri.

Na manhã do dia 16 de abril, Fabiano seguia numa caminhonete Mitsubishi L-200, quando matou no trânsito a motociclista Tatiane Malaquias da Silva, 25 anos, na Avenida Gury Marques, em Campo Grande. Conforme informações da polícia na época, Fabiano bateu na traseira da moto Honda/Biz, conduzida por Tatiane, que aguardava a travessia de pedestre na faixa sinalizada. Com o impacto, a caminhonete passou por cima da condutora, e depois atingiu a traseira do veículo VW/Gol, conduzido por Américo Vilassanti, que também aguardava parado na faixa de pedestre.

Em seguida, a L-200 bateu na traseira da Honda/Biz, conduzida por Andrylene Garcia de Oliveira, 29 anos, que caiu da moto e precisou ser socorrida até a Santa Casa, onde ficou internada. Após o acidente, foi solicitado que Fabiano - que apresentava sinais de embriaguez - realizasse o teste de alcoolemia, porém ele se recusou, por isso foi elaborado um termo de constatação de embriaguez. Fabiano foi preso em flagrante, mas em audiência de custódia foi liberado após pagar valor de seis salários mínimos (R$ 5.280).

(Campo Grande News)

 

Envie seu Comentário