Coronavírus

O padre russo que nega a pandemia e desafia autoridades com tomada de convento

23/06/2020 14h10 - Por: Folha de Dourados

 
O sacerdote mudou legalmente seu nome para homenagear a última dinastia russa Foto: GETTY IMAGES O sacerdote mudou legalmente seu nome para homenagear a última dinastia russa
Foto: GETTY IMAGES

Clique aqui e curta nossa página no Facebook

Um sacerdote russo ultraconservador que nega a existência do novo coronavírus tomou à força um convento e agora está desafiando as autoridades do país.

Na terça-feira, o padre entrou no convento Sredneuralsk, nos arredores da cidade de Ecaterimburgo, no centro-oeste do país, provocando a fuga da madre superiora e de várias freiras.

Em abril, o clérigo já havia sido proibido de pregar.

E em maio, ele foi proibido de portar uma cruz, depois que tentou encorajar seus fiéis a desobedecer as ordens das autoridades sanitárias contra o coronavírus.

O padre Sergei ajudou a fundar o convento de Sredneuralsk no começo dos anos 2000 e ao longo dos anos atraiu centenas de fiéis para seus sermões.

(BBC News)

 

Envie seu Comentário