fbpx

Desde 1968 - Ano 56

19.7 C
Dourados

Desde 1968 - Ano 56

InícioMeio AmbienteUEMS vai discutir, em Dourados, práticas de Reserva Particular do Patrimônio Natural

UEMS vai discutir, em Dourados, práticas de Reserva Particular do Patrimônio Natural

- Advertisement -

Workshop será realizado no Dia Mundial do Meio Ambiente, no auditório da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), campus de Dourados; Reserva Particular que será debatida fica em Eldorado-MS

No próximo dia 5 de junho, comemora-se o Dia Mundial do Meio Ambiente, que tem o objetivo de chamar a atenção para a importância de preservação dos recursos naturais. Na data, a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), campus de Dourados, vai receber um workshop que vai discutir as práticas conservacionistas adotadas pela Reserva Particular de Patrimônio Natural “Ernesto Vargas Baptista”. O evento conta com o apoio do Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul.

O Workshop será realizado no período das 14h às 17h, no auditório do Bloco A da UEMS, na Cidade Universitária de Dourados e terá como tema “A RPPN Ernesto Vargas Baptista na conjuntura das práticas ESG, proteção da biodiversidade e pesquisas científicas”. ESG é a sigla para Environmental, Social and Governance, que em Português significa: “ambiental, social e governança”.

O objetivo é discutir a importância da RPPN Ernesto Vargas Baptista e Unidades de Conservação na conjuntura das práticas ESG (Environmental, Social and Governance) e dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Conforme a organização do evento, o público-alvo são proprietários de Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPNs), colaboradores de empresas e instituições do setor privado, alunos e professores da UEMS, da rede pública e particular de ensino, funcionários públicos, clubes de serviço, igrejas, sociedade de Dourados e do Estado de Mato Grosso do Sul.

UEMS vai discutir, em Dourados, práticas de Reserva Particular do Patrimônio Natural

O Workshop é gratuito e de natureza híbrida, e será transmitido pelo Canal da UEMS Oficial no YouTube. As inscrições de participação do evento podem ser realizadas por meio de acesso ao link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScsAYQEmkNEy9nzpIedplm4_uJWebnHvmXBISk1kdgDSPESHQ/viewform. Os inscritos receberão certificados de participação.

Criada em 2019

A Reserva Particular do Patrimônio Natural “Ernesto Vargas Batista”, foi criada no ano de 2019. A área, localizada no município de Eldorado, tem pouco menos de 15 hectares, mas com importância extrema para a conservação da biodiversidade. Essa RPPN está inserida em uma mistura de áreas de conservação estabelecidas nos dois lados do Rio Paraná, formando um extenso corredor de biodiversidade que se liga ao Parque Nacional do Iguaçu.

A reserva foi classificada pelo IMASUL, em 2019, como “Wetland”: Áreas muito frágeis e de grande importância para a preservação (local de reprodução, abrigo, fonte de alimentos para fauna local e migratória – aves). 

A área está estabelecida em remanescentes da Mata Atlântica. Na época, a filha do proprietário, Ana Luzia, projetou ali um Centro de Estudos e Pesquisas voltado à Educação Ambiental, em parceria com a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul – Campus de Mundo Novo, bem como um Memorial destinado a preservar o acervo do pai, já falecido. Por abrigar regiões úmidas nas margens do rio Paraná, o local é berçário de inúmeras espécies da fauna e flora da Mata Atlântica, o que eleva a importância de sua conservação.

A reserva integrava uma extensa propriedade do engenheiro, urbanista e professor Ernesto Vargas Baptista, personalidade influente do Conesul do Estado, tendo sido prefeito de Amambai há 65 anos, quando o território do município se estendia desde Ponta Porã até Mundo Novo. Nascido em 8 de setembro de 1918, faleceu aos 92 anos em 2011. (Com informações do Ministério Público/MS e do IMASUL)

UEMS vai discutir, em Dourados, práticas de Reserva Particular do Patrimônio Natural
- Advertisement -

ENQUETE

MAIS LIDAS

- Advertisement -
- Advertisement -