José Henrique Marques –

Depois da Raking e do Ibrape, agora a pesquisa Datamax afere que se as eleições fossem hoje o candidato Barbosinha, do DEM, seria eleito prefeito de Dourados com boa margem de votos à frente de seu principal concorrente Alan Guedes, do PP. O levantamento foi publicado ontem (24) pelo site de Campo Grande, Midia Max.

Na pesquisa estimulada Datamax, Barbosinha aparece com 33%, Alan 22%, João Carlos (PT), 4%, Racib Harb (Republicanos) tem 3%, mesmo percentual de Wilson Matos (PTB). Mauro Thronicke (PSL) aparece com 2% e Jeferson Bezerra (PMN), 1%. “Nenhum deles” soma 9%, branco e nulo, 4%, e não sabe ou não responderam, 19%.

Barbosinha, por outro lado, também “lidera” o quesito rejeição com 24%, cujo percentual não compromete sua liderança na corrida sucessória pelo posto da prefeita Délia Razuk (sem partido).

Depois dele, os mais rejeitados são Alan Guedes, 11%, João Carlos, 9%, Racib, 4%, Wilson, Mauro e Jeferson, 3%, cada um. 35% não souberam responder; brancos e nulos somam 2% e nenhum deles, 7%.

Considerando a margem de erro de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança de 95%, os números da Datamax são parecidos com as pesquisas divulgada até aqui pelos outros dois institutos.

A pesquisa foi a campo nos dias 22 e 23 de outubro entrevistando 780 eleitores e está registrada sob o número MS-09465/2020 no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul).

Comentários do Facebook