Vereador Rogério Yuri

O vereador Rogério Yuri (PSDB), relator da Comissão Processante instalada na Câmara Municipal de Dourados para apurar se o vereador Diogo Castilho (DEM) quebrou o decoro parlamentar, opinou por manter a admissibilidade da denúncia depois de analisar a defesa do acusado.

A defesa de Diogo Castilho foi protocolada na Secretaria da Câmara no dia 7 passado. O vereador foi afastado em 13 de setembro do cargo eletivo por ter sido preso por violência doméstica contra a noiva.

Com a admissibilidade da denúncia, agora o processo segue o trâmite legal e a cassação ou não de Diogo Castilho deve ser votado em plenário até 26 de dezembro.

Além de Rogério Yuri na relatoria, a Comissão Processante é composta ainda pela vereadora Lia Nogueira (PP), na presidência, e Daniel Júnior (Patriota) como membro.

Comentários do Facebook