Na noite de ontem (11) a Polícia Militar encaminhou para a delegacia de polícia, um pastor evangélico de 26 anos que surtou no Parque das Nações II, em Dourados.

Por volta das 19 horas, os PMs foram checar reclamações de populares sobre cultos barulhentos na igreja do pastor.

Na igreja, os policiais encontraram o pastor descontrolado, “alheio as suas faculdades mentais”, segundo registro do boletim de ocorrência, dizendo que os policiais eram enviados pelo maligno, e que ele seria enviado de Deus e autorizado a expulsar demônios e pessoas de má conduta na sociedade.

O pastor alegou expulsava demônios ao redor de sua igreja com o som alto, e que não seria levado para a delegacia.  

A PM pediu para ele fosse mais comedido na pregação e que diminuísse o som. O pastor não concordou e agrediu os policiais que tapas e chutes.

Ele então foi algemado e levado à Delegacia, onde disse que “policiais seriam todos uns pilantras”.

O pastor foi autuado por resistência e perturbação do trabalho alheios.

Comentários do Facebook