Projetos artístico-culturais subsidiados pela Lei Aldir Blanc em Dourados terão exibição presencial e virtual na semana de 8 a 14A partir desta terça-feira (2), está aberto o agendamento para visitação presencial à Mostra LAB Dourados, uma mostra artística com a exibição presencial e virtual de parte dos projetos aprovados no edital da Lei Aldir Blanc (L.A.B.), na cidade de Dourados. A mostra está instalada no Casulo – Espaço de Cultura e Arte, e as vagas para visitação presencial, na semana de 8 a 14 de março, são limitadas.


As visitas poderão ser individuais ou em pequenos grupos (até 5 pessoas) de uma mesma família ou de próxima relação, e podem ser agendadas pelo whatsapp (67) 9 9866-5515, das 14h às 18h. As exibições virtuais serão realizadas através do Youtube e do Instagram, com diversas transmissões ao vivo, como debates e apresentações.


A programação é gratuita e composta por aproximadamente 24 projetos, entre Artes Cênicas (teatro, dança, circo), Artes Visuais, Artesanato, Cinema e Audiovisual, Culturas Tradicionais e Populares, Literatura, Música, e Patrimônio Cultural. Todos foram criados a partir do recurso da Lei Aldir Blanc.

A proposta da Mostra LAB consiste em permitir que a comunidade possa usufruir de trabalhos artísticos que foram criados no último ano. Também visa a valorização dos trabalhadores do setor da gestão cultural, produção cultural e técnica de projetos culturais, remunerando a equipe composta por nove agentes desse setor, que não puderam exercer seu trabalho devidamente em 2020 e ainda este ano.

Fazem parte da equipe de produção: Arami Arguello Marschner, Denise Lopes Leal, Júlia Aissa Vasconcelos Oliveira, Beatriz Gabriele Rodrigues, Carlos Eduardo Modesto Fluhr, Jaciara Arguello Marschner, Fabrício Stefanie Borges, Tatiana Varela Besteiro e Bruno Augusto.

Sobre a Lei Aldir BlancA legislação federal (Decreto 10.489/20) que ficou conhecida como Lei Aldir Blanc, em homenagem ao compositor e escritor que morreu em maio de 2020, vítima do coronavírus, prevê a liberação de recursos para o setor cultural no país visando amenizar o impacto da pandemia.

Serviço

O que: Mostra LABQuando: 8 a 14 de marçoPresencial:  Casulo – Espaço de Cultura e Arte – Rua Reinaldo Bianchi, 398 – Parque Alvorada, Dourados – MSAgendamento para presencial: a partir dia 2 de março, das 14h às 18h, pelo whatsapp (67) 9 9866-5515Virtual: Youtube – Canal Casulo e  Instagram – www.instagram.com/casulodourados

Mais informações e atendimento à imprensa: (67) 9 9870-0269


PROGRAMAÇÃO MOSTRA LAB8 a 14 de março
Segunda, dia 8 de março – lançamento do Áudio-Cena “Safo de Lesbos”

MOSTRA NO CASULO
9 a 14 de março – das 9h às 18h (visitas agendadas)

  • A VIAGEM ONÍRICA DE UM JOVEM SOLITÁRIO – antigodoy
  • AQUARELAS DO CERRADO – Anninha Brito
  • MEOW: AS PERSPECTIVAS DE SUAS 7 VIDAS – Ana Lobo
  • EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA (LEI ALDIR BLANC – DOURADOS)
  • ESPINDOLINHAS – João Paulo Vadora (Studio Blanche Torres)
  • FRUTO – João Dias
  • GRAFISMO JEGUA – Juvenal Hermes da Silva
  • O IMPACTO DA LEI ALDIR BLANC NA RESERVA INDÍGENA DE DOURADOS – Thaila Cabreira

MOSTRA VIRTUAL
9 a 14 de março – 20h

Terça, dia 9

  • REGIONAL INSTRUMENTAL – LAI GUIMARÃES E NICOLAS FARIAS

Quarta, dia 10

  • LANÇAMENTO DO PROJETO “GRUPO VERAJU RECONTA CANTOS DA FLORESTA” – VÍDEO 1
  • DEBATE SOBRE A ALDIR BLANC

Quinta, dia 11

  • GRUPO VERAJU RECONTA CANTOS DA FLORESTA – VÍDEO 2
  • ENTRE PARÁGRAFOS E TERRA VERMELHA – A LEITURA NO MATO GROSSO DO SUL – Aline Silva Vieira e Hemilly Silva

Sexta, dia 12

  • GRUPO VERAJU RECONTA CANTOS DA FLORESTA – VÍDEO 3
  • PROJETO INTEGRAÇÃO CULTURAL EM DOURADOS: MUSICA VENEZUELANA E BRASILEIRA – Cesar Quintero e Genesis Morado
  • COSTURANDO HISTÓRIAS DE MULHERES IMIGRANTES NO BRASIL COM POESIA – Rosana Daza

Sábado, dia 13

  • GRUPO VERAJU RECONTA CANTOS DA FLORESTA – VÍDEO 4
  • LEITURA DE DRAMATRUGIA TODAS SERÃO JOANAS! HISTÓRIAS E BRUXARIAS SOBRE (PARA) TEMPOS REMOTOS – COLETIVO CLANDESTINO
  • DELÍRIOS – Társila Boneli

Domingo, dia 14

  • GRUPO VERAJU RECONTA CANTOS DA FLORESTA – VÍDEO 5 + BATE PAPO COM VERAJU
  • PANDEIRO QUE TOCA O SOM DO BRASIL – Willian Grando
  • DAGATA & OS ALUIZIOS – O TRIO GABIRU

Sobre a equipe
Arami Arguello Marschner – gestora geral e coordenadora de produçãoDenise Lopes Leal – produçãoJúlia Aissa Vasconcelos Oliveira – gestora culturalBeatriz Gabriele Rodrigues – técnica e produção executivaCarlos Eduardo Modesto Fluhr – técnicoJaciara Arguello Marschner – artista gráficaFabrício Stefanie Borges – cinegrafistaTatiana Varela Besteiro – cinegrafista, edição de vídeo e transmissão ao vivoBruno Augusto – técnico – projeção mapeada.

Comentários do Facebook