MINAS GERAIS

PF faz operação contra fraude após tragédia de Mariana

Foram feitos cerca de R$ 7 milhões em pagamentos indevidos

26/02/2019 08h10 - Por: Folha de Dourados

Clique aqui e curta nossa página no Facebook

A Polícia Federal realiza uma operação na manhã desta terça-feira (26) contra fraudes no pagamento de indenizações às vítimas da tragédia de Mariana, em Minas Gerais.

Uma barragem da mineradora Samarco, subsidiária da Vale, se rompeu em 2015 e deixou 19 mortos. Considerada a maior catástrofe ambiental do país, o rompimento fez com que rejeitos da mineradora atingissem o Rio Doce, no Espírito Santo, e cerca de 1,4 mil pescadores tiveram suas atividades suspensas.

Foram pagas compensações financeiras aos profissionais da pesca. Porém, segundo investigações, suspeitos conseguiram licenças falsas de pescador para receber o dinheiro.

Segundo a Polícia Federal, cerca de 100 pessoas receberam indenizações da Fundação Renova, responsável pelos pagamentos. O valor recebido é de aproximadamente R$ 7 milhões, entre indenizações e auxílios financeiros.

A operação realizada na manhã desta t erça-feira (26) cumpre 24 mandados de busca e apreensão na colônia de pescadores em Baixo Guandu, em Vitória.

(Agência Brasil)

 

Envie seu Comentário