ENEM 2019

Cronograma do Enem será mantido após falência de gráfica

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou por meio de nota nesta terça-feira (2), que as datas das provas do Enem serão mantidas, após a gráfica responsável pelas impressões há 10 anos decretar falência na segunda-feira (1º).

02/04/2019 11h34 - Por: Folha de Dourados

Clique aqui e curta nossa página no Facebook

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou por meio de nota nesta terça-feira (2), que as datas das provas do Enem serão mantidas, após a gráfica responsável pelas impressões há 10 anos decretar falência na segunda-feira (1º).

O instituto garante que "existem alternativas seguras sendo avaliadas". As provas seguem marcadas para 3 e 10 de novembro, conforme prevê o Edital.

Na segunda-feira (1º), a gráfica multinacional RR Donnelley, que fazia a diagramação e impressão dos cadernos de prova do Enem desde 2009, entrou com pedido de falência. A empresa culpou as atuais condições de mercado na indústria gráfica e editoral tradicional.

As inscrições para o Enem 2019 deverão ser feitas de 6 a 17 de maio.

Leia a nota do Inep na íntegra:

O Inep informa que as etapas para a aplicação do Enem 2019 transcorrem normalmente e que o cronograma está mantido, com as provas marcadas para 3 e 10 de novembro, conforme prevê o Edital. Em relação à falência da gráfica contratada para a diagramação e impressão dos cadernos de prova da edição deste ano do Enem, existem alternativas seguras sendo avaliadas.

O Inep reforça ainda que está aberto, até 10 de abril, o período para pedido de isenção da taxa de inscrição no Enem 2019 e justificativa de ausência na edição anterior. As inscrições para o exame acontecem entre 6 e 17 de maio.

(RedeTV)

 

Envie seu Comentário