O membro do diretório nacional do PT Alberto Cantalice, diretor da Fundação Perseu Abramo, usou as redes sociais para criticar o tom da entrevista do deputado federal Rui Falcão contra uma possível aliança entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin. Segundo Cantalice, “aqueles que defendem chapa pura de Lula” perderam a noção de correlação de forças no Brasil ou “querem lacrar”. O petista foi alvo de críticas da militância.

“Aqueles no PT que defendem chapa pura de Lula, ou um vice do mesmo campo do candidato à presidente, ou perderam a noção de correlação de forças no Brasil, ou querem “lacrar”! Estilo: “eu sou radical”, mas a decisão é do Lula. Assim fica fácil, para eles. Mas difícil para o Lula”, escreveu.PUBLICIDADE  

Cantalice não cita a entrevista de Rui Falcão ao jornal “Folha de S.Paulo” desta segunda-feira, em que afirma que “Lula não precisa de uma muleta eleitoral” e defende um vice do próprio partido.

A declaração de Cantalice virou alvo de críticas por expor a divergência nas redes sociais. Outros defenderam a posição de Falcão e afirmaram que o ex-presidente não deveria se aliar a políticos que defenderam o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. (Extra)

Comentários do Facebook