Durante uma ação desencadeada por agentes da Receita Federal do Brasil, realizada nesta quarta-feira (28), na região do distrito de Vila Vargas, em Dourados, foram apreendidos veículos e mercadorias de origem paraguaia, produto de contrabando e descaminho. Todo o material apreendido é avaliado em mais de R$ 800 mil.

A fiscalização dos hotéis e pousadas localizados na região, ocorreu após denúncias de que esses estabelecimentos estariam sendo utilizados pelo crime organizado da fronteira, como entrepostos de mercadorias ilícitas e ponto de apoio a motoristas e batedores das cargas.

Durante a ação, que durou 4h e utilizou 20 agentes da receita federal, foram apreendidos oito veículos com mercadorias que entraram de forma ilegal no país, sem o devido processo legal aduaneiro e alfandegário. A carga foi avaliada em meio milhão de reais.

Além disso, também foram realizadas buscas em dois hotéis, sendo localizado um grande volume de mercadorias ilícitas, produto de descaminho, dentro de três apartamentos. A carga é avaliada em aproximadamente R$ 100 mil. 

O valor estimado dos veículos apreendidos gira em torno de R$ 250 mil, totalizando um prejuízo total ao crime organizado em mais de 850 mil reais, de acordo com informações da Receita Federal.

Um dos autuados pelo crime de descaminho relatou aos agentes que trazia pequenas quantidades de produtos e “estocava” em um dos quartos dos hotéis fiscalizados, até somar uma quantia razoável para transportar para o estado de São Paulo.

Nos hotéis não foram encontrados os nomes das outras duas pessoas que estariam com cargas ilícitas, no livro de registro de hóspedes, sendo encontrado apenas o primeiro nome ou apelido deles.

As ações devem ser intensificadas e a receita federal contará com apoio das forças de segurança local durante as operações. (DouradosNews)

Comentários do Facebook