Em entrevista à Rádio Metrópoles, o atual governador da Bahia, Rui Costa, avaliou o projeto logístico da Anvisa como positivo, porém, criticou a burocracia do órgão em conseguir imunizantes contra a Covid-19 que não sejam a vacina do Instituto Butantan ou o do laboratório Pfizer.

No entanto, o governador criticou a condução do governo federal. Assim, ele considerou a gestão do presidente Jair Bolsonaro como ‘estúpida, irracional e incompetente’.

Naqueles dias que ficamos fazendo, identificamos pessoas com febre e fizemos o teste no aeroporto mesmo. As pessoas sequer sabiam que estavam doentes. É um serviço de saúde pública você informar que a pessoa está doente. E a agência de vigilância sanitária proibindo esta ação. Só num governo estúpido, irracional e incompetente como esse a gente pode presenciar. Essa é outra coisa que o Brasil perdeu”, afirmou Rui.

Além disso, Rui falou também sobre o momento do Brasil, que ele classificou como preocupante. Segundo o petista, o Brasil pagará um preço alto pelos movimentos negacionistas liderados pelo presidente, apesar do início do movimento de vacinação.

“Não está bom para nenhum país, mas está muito pior. Eu diria hoje que a situação do Brasil é uma das piores do mundo. O Brasil virou um pária internacional. Aquele péssimo exemplo para tudo o que você quiser indicar como o que não deve ser feito”, disse o governador.

Da redação Acontece na Bahia.

Comentários do Facebook