Elairton Gehlen – escritor –  

Hoje decidi não falar mal de ninguém, a não ser do tempo, este invisível, este implacável, este que passa e faz a gente ficar mais velho. E olha que o tempo nem existe efetivamente, só o vemos no futuro para ficarmos ansiosos, e no passado para nos arrependermos. Tempo é pior que ex-mulher, estas ainda as temos por algum tempo no presente antes de ansiarmos pelo divórcio para depois as querermos de volta sem querer de verdade, daí ficamos contando o tempo até que tenhamos outra para então ficarmos outra vez ansiosos até que o divórcio nos separe outra vez. 

Eu era um menino mal saído da ilusão de que seria Padre depois de um Matinê de carnaval quando comecei a gostar das músicas da Rita Lee e me apaixonar platonicamente por todas as garotas que via, e ela, a Rainha, já fazia algum sucesso Mutante. Atravessei a juventude, mergulhei na idade adulta e quase envelheci ouvindo a Rainha do Rock. Agora me vem a notícia de que o tempo, este que passa, este que sequer existe de fato, arrancou os palcos de debaixo dos pés da roqueira. A Erva Venenosa e esse Doce Perfume, ainda andam Bailando Comigo. Tudo bem, eu sou mesmo uma Ovelha Negra. Desculpe o Auê, mas é que eu fico por aí com essa Mania de Você, talvez seja falta de Amor e Sexo, sei lá!! Pode ser que eu esteja precisando de um Caso Sério, é que eu Ando Meio Desligado. Baila Comigo antes que eu me torne um Fora da Lei. 

A Rita Lee está velha! Em geral os artistas não envelhecem, são descartados e substituídos por outros mais jovens e bonitos que enchem as contas bancárias das gravadoras nos Embalos de Sábado à Noite e, quando vem a segunda-feira nem ficamos sabendo o que se deu com o John Travolta, mas somos obrigados a ouvir Sertanojo que vai se rejuvenescendo de tal maneira que parece que o tempo não existe mesmo. Onde estão Marinho da Vila, Zé Ramalho, Beto Guedes, Elis Regina, Raul Seixas, …, Ah, sim, o tempo esse implacável, esse que nem sequer existe, este que passa, passou, levou as rádios para um lugar horrível, essencialmente comercial e emburrecedor.  

Líder dos Rolling Stones, Pedras Rolantes, Sir Michael Philip, mais conhecido por Mick Jagger, se recusa a ficar velho. Eu também. Os Beatles que, como o tempo, não existem, continuam jovenzinhos como em 1.970 quando os Jovens de Liverpool deixaram de existir. Talvez esta seja uma boa tática, quando ouço O Bêbado e o Equilibrista, até me esqueço da overdose que levou a Elis Regina aos 42 anos. E tem gente que só atrapalha a vida dos outros e até leva facada e não morre! Haja paciência! 

As pessoas envelhecem, mas o sistema que envelhece as pessoas fica cada vez mais viril, há séculos saiu da escuridão para o iluminismo, tomou a poção mágica do ilusionismo e se reinventa a cada crise. Tão jovem quanto a Universidade onde os alunos têm sempre a mesma idade e agora traz “Ana Cañas Canta Belchior”. Políticos deveriam envelhecer cinco vezes mais rápido que artistas! 

Comentários do Facebook