Estão dentro do período considerado de risco potencial de transmissão do vírus da Covid-19 em Dourados um total de 548 pessoas de acordo com boletim municipal atualizado e divulgado no final da manhã desta quinta-feira (29). 

O período considerado como de vírus ativo se estende por 14 dias, somando o período de incubação até o aparecimento dos sintomas, de acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde). 

Do grupo que se encontra nesta situação, 520 estão em isolamento domiciliar com sintomas leves. Porém, 12 douradenses estão internados em leitos de enfermaria, além de 16 em leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de hospitais públicos e privados da cidade. 

Dourados somou hoje 59 novos casos de coronavírus e descartou 205 testes laboratoriais feitos através do uso de materiais coletados pelas secretarias municipais de saúde dos municípios e encaminhados ao Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública de Mato Grosso do Sul). 

Desde o início da pandemia, Dourados contabilizou 8.435 testagens positivas de Covid. Destes, 7.814 estão sem sintomas e recuperados, mas 107 não resistiram e foram a óbito após contrair o vírus. 

Entre as confirmações da doença no município, 7.638 são de moradores do perímetro urbano, 80 dos distritos rurais, 390 da Reserva Indígena Federal e 40 de outras localidades, conforme dados do Comitê de Gerenciamento de Crise do Coronavírus.

A taxa global de ocupação de delitos de UTI cadastrados no SUS (Sistema Único de Saúde) está em 70% nesta quinta-feira. 

Dourados tem 11 pacientes com o vírus ativo da Covid internados em leitos de UTI de hospitais públicos da cidade; quatro aguardando resultado de testes sendo considerados suspeitos; além de três que tiveram a doença, mas não se recuperaram ao final do período de risco potencial de transmissão do vírus da Covid-19 e seguem internados em estado de saúde grave. (DouradosNews)

Comentários do Facebook