O corpo de Gustavo estava próximo dos destroços do avião

O corpo do piloto corumbaense Gustavo Carneiro foi encontrado na tarde de ontem (25), em alto mar. 

Carneiro morreu em um acidente aéreo, registrado entre as cidades de Ubatuba (SP) e Paraty (RJ).

Segundo o site Jornal da Band, o corpo dele foi encontrado a 16 km da costa, perto de onde estavam alguns destroços do avião.

A aeronave que caiu pertencia a José Porfirio de Brito Junior, que atuou como copiloto neste voo.

Gustavo e ele transportavam Sergio Alves Dias Filho, empresário que tem uma loja de carros blindados no Rio de Janeiro.

Eles não conseguiram chegar ao destino. A suspeita é que o avião teve problema em um dos motores e tentou um pouso forçado.

Apesar de estar em situação regular, a aeronave não tinha autorização para a realização de táxi aéreo.

As buscas pelos outros dois tripulantes desaparecidos do voo foram retomadas nesta sexta (26).

Segundo o RAB (Registro Aéreo Brasileiro), a aeronave era do modelo PA-34-220T, da Piper Aircraft, com ano de fabricação em 1981. 

O modelo carrega no máximo seis passageiros e no momento da decolagem, não pode carregar mais de 2.155 quilos.  (TopMídiaNews)