O Secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, voltou ao expediente na tarde desta segunda-feira (17) na sede da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul. Obedecendo aos critérios de biossegurança e sem apresentar quaisquer sintomas nas últimas 24 horas e sem fazer o uso de medicação, o secretário voltou a cumprir normalmente a agenda de trabalho.

De casa, durante o isolamento, seguindo os protocolos de segurança, Geraldo Resende manteve o expediente normal de trabalho, por meio de videoconferências e ligações telefônicas com a equipe da Secretaria de Estado de Saúde.

Mesmo de longe, o secretário manteve o diálogo e com o apoio do município de Dourados, abriu 10 leitos de UTI Covid e mais cinco leitos clínicos no Hospital Evangélico de Dourados. As tratativas continuam e a partir desta terça-feira (18), serão abertos mais 10 leitos de UTI em Ponta Porã. Na próxima quarta-feira (19), serão abertos mais 10 leitos de UTI em Amambai.

Em Campo Grande, até o final de janeiro serão remanejados no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, referência no tratamento da Covid-19, mais 10 leitos de UTI Covid e mais 40 leitos clínicos.

“Como vocês sabem tive Covid-19 e queria agradecer as milhares de mensagens que recebi e dizer que estou bem. Graças a Deus, minha esposa Luciana Resende e eu, estamos bem e as minhas crianças não foram contaminadas. Me mantive isolado e seguindo todas as recomendações necessárias. Quero pedir a todos vocês, para que sigam as recomendações de biossegurança e continuem usando máscaras, higienizando às mãos e mantendo o distanciamento físico”, conclui Resende.

Comentários do Facebook