04/12/2017 14h45

Waldeli condiciona candidatura ao governo sem André e Reinaldo na disputa

Por: Folha de Dourados
 
 
Reinaldo, Waldeli, Mochi e André - Foto/divulgação Reinaldo, Waldeli, Mochi e André - Foto/divulgação

O prefeito de Costa Rica Waldeli dos Santos Rosa, agora do PMDB, fez no domingo (03), num grupo do whatsapp, um comentário com muito significado nas entrelinhas. Ele disse que somente colocará seu nome à disposição do partido para disputar o governo do Estado "se André Puccinelli e Reinaldo Azambuja" estiverem fora do páreo. Reparem: André e Reinaldo e não André ou Reinaldo. Essa afirmativa remete àquilo que se fala nos bastidores: O PSDB e o PMDB caminharão juntos em Mato Grosso do Sul ainda no primeiro turno. Quem estiver melhor encabeça a chapa. Hoje seria Reinaldo diante de um André desgastado e abatido com a recente prisão em companhia do filho. Restaria ao ex-governador correr atrás de foro privilegiado com uma candidatura ao Senado ou mesmo à Câmara Federal. Com um governo titubeante, Reinaldo não vence o juiz Odilon de Oliveira (PDT) sem o apoio de André e do PMDB.

 

Envie seu Comentário

 

Notícias

Política
Esporte
Educação
Dourados
Estado&Região
Economia
Polícia
Geral
Meio Ambiente
Rural
Tecnologia
Brasil&Mundo
Cultura
Curiosidade
Entretenimento
Saúde
Turismo
Religião
Mídia
Ciências

Colunistas

Culturalmente Falando
Antenado
Enfoque
Consciência Cósmica
Gastronomia
Informe Vet
Falando de Cinema
Aniversariantes
Salada Mista
Waldir Guerra

+ Canais

Entrevistas
Charges
Vídeos
Eventos

Expediente

Sobre Nós
Anuncie
Trabalhe Conosco
Termos de Uso