09/08/2018 13h50

Em Dourados, Odilon lamenta prisão de André Puccinelli

Por: Folha de Dourados
 
 
Odilon de Oliveira, na Folha de Dourados - Fotos: Wender Carbonari Odilon de Oliveira, na Folha de Dourados - Fotos: Wender Carbonari

Em visita à Folha de Dourados na manhã desta quinta-feira (09), o pré-candidato do PDT ao Governo do Estado, Odilon de Oliveira, disse lamentar a prisão do ex-governador André Puccinelli (MDB). "É muito ruim para a democracia que lideranças como a dele se encontram nessa situação, envolvidos em corrupção", disse o juiz federal aposentado ressaltando, contudo, ser justa a detenção de Puccinelli há mais de 20 dias em Campo Grande.

Para Odilon não existe interferência do sistema judicial nas eleições aventada, inclusive na grande imprensa, como por exemplo o aceleramento do processo que levou o ex-presidente Lula à cadeia e mesmo a prisão de Puccinelli às vésperas das convenções partidárias. "Está tudo dentro da ordem democrática", afirmou.

O pré-candidato que estava acompanhado de seu vice, o bispo Marcos Vitor (PRB) e do vereador Romualdo Ramin (PDT disse que uma vez eleito buscará auxiliares qualificados com profundo conhecimento no setor a ser ocupado, e probos. "Pode ser indicação política de aliados, mas terá que ser da área e conhecer a pasta".

Odilon defende tempo integral das escolas para ao mesmo tempo educar com qualidade e afastar os jovens da criminalidade, e pretende potencializar o Departamento de Operações de Fronteira (DOF) para combater o contrabando e tráfico de drogas.

O pedetista pretende, uma vez eleito, interagir com a sociedade, principalmente com o empresariado e com as igrejas, para ajudar na recuperação e inserção social dos apenados. "É preciso acolhe-los com emprego, cidadania e fé", afirmou.

Ele propõe ainda a resolução de muitos casos "pequenos" nas próprias delegacias com anuência do Ministério Público, a fim de não sobrecarregar o Judiciário e esvaziar as celas das delegacias. "Lugar de preso é no presídio".

Desde o final da tarde de ontem (08), que o pré-candidato cumpre agenda em Dourados, que será encerrada na manhã de amanhã. Depois, Odilon segue para Caarapó e Glória de Dourados. Ele tem visitado a imprensa, mantendo reuniões com partidários, lideranças e representantes da sociedade civil organizada.

 

Envie seu Comentário

 

Notícias

Política
Esporte
Educação
Dourados
Estado&Região
Economia
Polícia
Geral
Meio Ambiente
Rural
Tecnologia
Brasil&Mundo
Cultura
Curiosidade
Entretenimento
Saúde
Turismo
Religião
Mídia
Ciências

Colunistas

Culturalmente Falando
Cleiton Zóia Münchow
Rebecca Loise
Antenado
Enfoque
Consciência Cósmica
Gastronomia
Informe Vet
Falando de Cinema
Aniversariantes
Salada Mista
Victor Teixeira
Waldir Guerra

+ Canais

Entrevistas
Charges
Vídeos
Eventos

Expediente

Sobre Nós
Anuncie
Trabalhe Conosco
Termos de Uso