04/12/2018 13h00

Nilzete Valiente Martines morre espancada pelo marido, que está preso

Por: Folha de Dourados
 
 

A dona de casa Nilzete Valiente Martines, 35 anos, morreu no Hospital da Vida de Dourados em decorrência de agressão sofrida pelo marido na última quarta-feira (28), próximo à Agrícola Urtigão na Avenida Barão do Rio Branco, em Caarapó. O principal suspeito pelo crime, Jhony César dos Santos Sanguina, 25 anos, marido da vítima, foi preso.

Nilzete foi agredida pelo marido com socos na região abdominal. Por causa da agressão, a vítima passou a sentir dores na barriga e precisou de atendimento médico. Ela foi socorrida para o Hospital São Mateus e devido a gravidade transferida para o Hospital da Vida em Dourados, onde morreu, no sábado (01).

Durante investigação sobre o caso, a equipe policial descobriu que o autor se preparava para fugir da cidade. Com mandado de prisão expedido, Jhony foi preso no domingo pelo SIG (Serviços de Investigações Gerais). Ele, que convivia há pouco mais de 1 ano com a vítima, vai responder por lesão corporal seguida de morte – violência doméstica. À polícia, Jhony confessou que agrediu a mulher por ciúmes. Apesar de Nilzete ter medida protetiva contra o marido, ela vivia com ele.

 

Envie seu Comentário

 

Notícias

Política
Esporte
Educação
Dourados
Estado&Região
Economia
Polícia
Geral
Meio Ambiente
Rural
Tecnologia
Brasil&Mundo
Cultura
Curiosidade
Entretenimento
Saúde
Turismo
Religião
Mídia
Ciências

Colunistas

Culturalmente Falando
Cleiton Zóia Münchow
Rebecca Loise
Antenado
Enfoque
Consciência Cósmica
Gastronomia
Informe Vet
Falando de Cinema
Aniversariantes
Salada Mista
Victor Teixeira
Waldir Guerra

+ Canais

Entrevistas
Charges
Vídeos
Eventos

Expediente

Sobre Nós
Anuncie
Trabalhe Conosco
Termos de Uso